como pensar em inglês?

Uma grande dificuldade que os estudantes de inglês têm, é se desprenderem do português. Isso realmente é complicado no início do aprendizado, mas com o tempo é necessário que esqueça a língua portuguesa e comece a pensar em inglês.

Lembre-se que os americanos não precisaram do português ou qualquer outro idioma para aprenderem o inglês. E você também não precisa. O que não significa que você não possa utilizar o português para te ajudar no início. Pois diferentemente dos americaninhos (american kids) que não tinham nenhuma língua memorizada na mente, o que deixa mais fácil o aprendizado do inglês pois o cérebro está zerado, nós brasileiros já estamos acostumados ao português.

Descubra como Acelerar o seu aprendizado do inglês em até 300%. Participe dessa aula gratuita:

QUERO MINHA VAGA GRÁTIS

Então de início, por conta do nosso cérebro já fazer muitas associações ao português, e também por não estarmos convivendo rodeados de americanos, precisamos de uma ajudinha do nosso belo idioma português.

Mas enfim… como pensar em inglês?

O processo é simples… tudo o que você lê e ouve em inglês, deve ser compreendido no mesmo idioma, sem fazer nenhum intercâmbio de línguas. Ou seja, você lê e ouve em inglês e tenta compreender o que leu e ouviu, sem traduzir para o português ou qualquer outro idioma. Simples assim! Isso é pensar em inglês.

Quando você era criança, você aprendeu a falar português sem fazer nenhum intercâmbio de línguas, correto? Você simplesmente ouvia alguém falar o nome de um objeto ou de uma expressão e associava a uma imagem na sua cabeça para poder gravar o que ouviu. Com isso você começa a repetir para aprender a pronunciar as palavras em inglês.

Geralmente você falava errado (em vez de “olha o carro pai” era “óia o cálu pai“, rsss), mas não havia problema, pois você estava aprendendo a falar. E com o tempo isso vai se aperfeiçoando.

No inglês, você deve fazer a mesma coisa, ouvir e associar uma imagem na sua cabeça. E dia após dia o seu vocabulário vai aumentando. Mas para isso, você precisa ter uma convivência com pessoas que também vão somente conversar em inglês com você.

No entanto, você, assim como a maioria dos estudantes de inglês, não tem essa convivência com americanos. Então de início o recomendado é estudar fazendo o intercâmbio de línguas Português/Inglês e vice e verso.

Ouça e Leia mais do Falar e Escrever

Estude bastante vocabulário que é a base do seu aprendizado; comece ouvindo e lendo mais do que falando e escrevendo em inglês, para que você possa aprender as pronúncias e estruturas certas das palavras. Faça os seguintes processos…

Comece primeiro:E só depois:
OUVIR e LERFALAR e ESCREVER

Com esses processos, de início você vai precisar traduzir para o português para que possa entender o que você está ouvindo, falando, lendo e escrevendo. Mas depois que você estiver entendendo o que você estiver ouvindo, falando, lendo e escrevendo, então comece a esquecer o português e pensar somente no inglês.

Como seria isso?

Antes você estava fazendo o processo de Ouvir (filmes, seriados, diálogos, …) COM legenda, e Lendo textos em inglês. Então o seu cérebro para entender o que você estava ouvindo e lendo, ele tinha que traduzir para o português. Mas, agora, você vai fazer o processo de Ouvir (filmes, seriados, diálogos, …), SEM legenda e Ler textos em inglês, e tentar entender SEM fazer a tradução para o português. E depois você vai Falar e Escrever em inglês, SEM pensar no português.

Veja também:

Nesse fase você deve esquecer o português, e pensar em inglês. Tudo o que você ouvir e ler em inglês tente compreender sem fazer a tradução para o português. Converse com americanos (na internet por exemplo) e amigos seus que falam inglês, ou caso não seja possível, então monte frases na sua cabeça ou um diálogo com você mesmo em voz baixa (porque em voz alta vão achar que você está ficando louco por falar sozinho… rssss), onde você irá criar frases em inglês baseadas no que você quiser falar.

Mas lembrando que o que você quiser falar, você não deve cria-la na sua cabeça em português e depois traduzi-la para o inglês. Você deve já pensar em inglês logo ao montar a frase.

Você pode, por exemplo, olhar para uma mesa que porventura tem uma caneta em cima, e então dizer “Whose pen is that on the table?“. Ou quando você estiver com sede, pode dizer “I’m thirsty. I think I’m gonna drink some water“. Ou também, antes de ir dormir, você diz “I’m sleepy. I’m gonna bed“.

Se as frases em inglês estiverem difíceis de serem montadas. Então comece com frases menores como, por exemplo, “Beautiful day today“, “I’m hungry“, “I’m starving“, “Where are you going?” e assim por diante. Lembrando que deve sempre pensar em inglês, esquecendo o português tanto para montar as frases quanto para entende-las.

Não se preocupe com o s erros

Tenha sempre em mente que nesse processo você irá errar bastante, irá esquecer como se fala determinadas coisas ou expressões em inglês. Mas mesmo assim, tente forçar o seu cérebro a se lembrar e não ceda ao português. Se não se lembrar da palavra certa em inglês, então tente usar outra palavra em inglês que seja sinônima ou troque a frase por outra que tenha o mesmo sentido.

Dessa forma você também pratica a sua habilidade de adaptações da fala em inglês, e treina também o seu cérebro a pensar em palavras similares ao que ele não está conseguindo se lembrar.

Geralmente aprendemos inglês mais rápido quando estamos convivência com americanos, pois nessa situação o português ao qual estamos acostumados, é isolado completamente do nosso cérebro já que os americanos não vão nos entender. Então temos que forçar o nosso cérebro a se virar para lembrar das palavras que já temos na memória.

Faça o mesmo em seu aprendizado diário. Mesmo que você não esteja rodeado de americanos, use essa mesma estratégia em seus aprendizados aqui no Brasil com seus amigos ou até mesmo sozinho na frente do espelho. Não ceda ao português, e faça o seu cérebro trabalhar duro. Diga a ele que você não sabe português e a única língua que está tentando aprender é o inglês.

E essas são algumas dicas que podem te ajudar a pensar em inglês. Você não precisa segui-las exatamente como passadas aqui. O mais importante é que você crie o seu processo de aprendizagem que seja mais eficiente. E você irá descobrir isso na prática, quando perceber que determinado processo de aprendizagem está te ajudando mais do que qualquer outro processo.

Veja também

Esperamos que tenha gostado das dicas. Se você coloca-las em prática, volte aqui depois e conte para nós como foi o resultado. E se você já estiver usando algum processo diferente e que já esteja sendo eficiente para você, então conte para nós nos comentários abaixo. Thanks.

Assista a uma Aula Gratuita e descubra como Acelerar o seu aprendizado do inglês em até 300%. Reserve a sua vaga agora:

QUERO MINHA VAGA GRÁTIS

O Guia Definitivo do Inglês | Intensivão do Inglês | Inglês para Viagens

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here